Fique por dentro

Artigos

Empresário lista os 7 maiores desafios dos novos empreendedores

Armindo Mota Jr., CEO da Wappa, aponta as principais dificuldades dos empresários iniciantes para abrir o próprio negócio
empreendedor

Publicado em: 28/04/2018 00h00

A crise econômica tem impactado diretamente no crescimento de novos empreendedores no Brasil. Segundo dados do Sebrae, 11 milhões de empresas foram criadas no país nos últimos anos por pessoas que perderam o emprego e enxergaram no empreendedorismo a saída para voltar ao mercado de trabalho. Com ideias inovadoras, cada vez mais as startups vêm ganhando espaço e gerando novas oportunidades para o mercado. No entanto, com algumas particularidades burocráticas, existem vários obstáculos a serem vencidos por quem quer empreender.

Diante disso, Armindo Mota Jr., CEO da Wappa, empresa brasileira pioneira no mercado de táxi corporativo, que já está em operação há mais de 15 anos e que conta com um portfólio de mais de 7 mil companhias brasileiras atendidas, listou sete principais desafios que os novos empreendedores precisarão enfrentar para abrir o próprio negócio.

1. Burocracia na abertura da empresa

Exceto para aqueles que se enquadram nas condições do Microempreendedor Individual (MEI), existe uma série de burocracias para se abrir uma empresa no Brasil. Enquanto em países desenvolvidos a média de tempo é de uma semana, por aqui os procedimentos podem levar até seis meses. Além disso, é importante contar com assessoria jurídica e contábil.
No entanto, com os avanços da tecnologia, muitos têm conseguido abrir um novo negócio online, onde os trâmites burocráticos são bem menores e mais rápidos.

2. Alta tributação

O Brasil é um dos principais cobradores de impostos no mundo. Por isso, é essencial prever no plano de negócio todas as taxações a serem pagas, para evitar problemas futuros.

3. Formação de uma equipe campeã

Para inserir uma empresa no mercado, é importante formar uma equipe altamente especializada. A dica para encontrar estes profissionais é construir uma rede de networking e, por meio de parcerias, reunir as melhores cabeças em prol de um ideal em comum, aumentando assim as chances de sucesso e competitividade.

4. Transformação digital

Com as constantes transformações do mercado, os novos empreendedores precisam estar atentos às tendências tecnológicas. Atualmente, a organização dos dados e a devida análise do perfil dos seus consumidores são essenciais para potencializar as suas vendas, além de fidelizar os clientes.

5. Gestão de pessoas modernizada

Assim como a transformação digital, introduzir uma gestão de pessoas modernizada contribui para o sucesso da empresa. Afinal, ela será imprescindível na escolha dos melhores profissionais, com processos seletivos sincronizados às exigências de mercado. A adoção de políticas que valorizem o ser humano pode ajudar manter os talentos por mais tempo, ganhando competitividade e maior produtividade no dia a dia empresarial.

6. Estratégias de marketing eficientes

Se manter no mercado não é tarefa fácil para os novos empreendedores. Para conseguir uma presença responsiva na internet e até mesmo no mundo físico, é preciso investir em estratégias de marketing. Ações como campanhas, construção de canais de atendimento ao cliente e produção de conteúdo irão agregar valor a sua marca, gerando maior credibilidade tanto para o público-alvo quanto para parceiros.

7. Concorrência da informalidade

Mesmo seguindo todas as regras do mercado e legislação vigente, a sua empresa não terá garantia de sucesso. E está sujeita a enfrentar concorrentes informais, oferecendo os mesmos produtos, porém com a preços mais atrativos aos consumidores. Por isso, o combate à informalidade é um grande desafio para os novos empreendedores. Avaliar o mercado, os riscos e potenciais concorrentes é um dos principais pontos a ser levado em consideração por quem deseja abrir seu próprio negócio. Contudo, apesar da alta competitividade do mercado, inúmeros novos empreendedores brasileiros estão obtendo sucesso em seus negócios, graças a audácia, inovação e motivação de fazer acontecer.

Link Original: empreendedor.com.br

; ;
Nossos Parceiros

Sede CAIXA CRESCER: SBS Quadra 02 Bloco J Edifício Carlton Sala 401 e Sobreloja 05, Asa Sul – Brasília/DF - CEP: 70.070-120